Connect with us

Ciência & Tecnologia

És amante de fotografia? A WIKO dá-te 5 dicas para não desperdiçares um pôr-do-sol

Rita Costa

Publicado há

em

WIKO

Se és amante de fotografia, quando vês o nascer ou o pôr-do-sol certamente não resistes em tentar tirar uma fotografia. Uma fotografia do pôr-do-sol traz-nos uma certa felicidade e admiração que na verdade, não sabemos ao certo explicar, e quando aliada a uma paisagem de tirar o fôlego, ainda ganha mais força. Idealmente, deverias planear o sítio onde queres fotografar, consultar a previsão do tempo para o dia da fotografia e chegar cedo para te preparares e teres o teu smartphone sempre à mão – no entanto, nunca te aconteceu estares simplesmente a passear e desejares guardar aquele pôr do sol para recordar mais tarde?

Os smartphones de hoje já fazem maravilhas e a WIKO, empresa europeia de smartphones, traz-te 5 dicas para capturares o melhor pôr do sol mesmo quando não estás preparado.

1. Não desperdices a Golden Hour
O momento em que olhas para o céu e vês aquela mistura de cor de laranja e dourado a rasgar o céu, é a famosa Golden Hour – ou hora de ouro – e esta é a altura ideal para captares toda esta magia com o teu smartphone. Neste momento, em que o sol já está a ir embora e não te debates com demasiada luz, mas tens ainda cores bastante vivas e merecedoras de recordar. Experimenta usar a lente Macro para capturares a forma como a luz dourada do sol embate em objetos pequenos, mostrando diferentes detalhes de outra forma impercebíveis. Descobre todo um mundo ampliado!

2. Lentes sujas? Nunca!
Esta dica é fundamental, mas por causa de toda a luz refletida na imagem, tirar a fotografia com as lentes limpas ou, por limpar faz toda a diferença. Mesmo que tenhas limpo há pouco tempo as lentes da câmara do teu smartphone, opta por passá-las por um pano ou mesmo pela tua camisola e repara como a fotografia fica mais nítida e as cores muito mais vibrantes.

3. Adiciona algum dramatismo à tua fotografia
Se quiseres adicionar algum dramatismo à tua imagem, cria uma silhueta, isto é, fotografa um objeto – uma árvore, uma pessoa, um moinho, as opções são imensas! – com o sol por trás para que crie uma sombra do mesmo e, resulte numa bonita imagem com tons de dourado e preto. Desta forma não era “apenas” o pôr o sol no horizonte, mas também uma outra presença na imagem que lhe trará valor acrescentado.

4. Focar o fundo ou a frente da imagem? Depende de ti!
És daquelas pessoas que tira as fotografias sempre da mesma maneira? Com o pôr-do-sol podes brincar e conseguir vários efeitos ao alternares o foco da imagem. Se deres relevo ao pôr-do-sol, que está ao fundo, terás um resultado completamente diferente do que se focares a frente da imagem. Usa o efeito Bokeh de diversas formas e consegue todo o tipo de resultados. Podes também aumentar e diminuir a luminosidade, consoante achares que fica melhor e, depois é só capturar o momento!

5. Sentes-te aventureiro? Usa as configurações manuais!
Hoje em dia, os smartphones já permitem ajustar manualmente as definições da câmara para conseguirmos os melhores resultados, o que significa que podemos modificar a abertura de câmara, aumentar ou diminuir o ISO e usar recursos como o HDR, um recurso que tira três fotografias em diferentes exposições de luz e as combina para encontrar a luminosidade ideal para cada foto.

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *