Connect with us

Notícias

Estudantes do IPS apoiam banhistas com mobilidade reduzida

Flávia Ramalho

Publicado há

em

O Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) e o Município de Sesimbra voltam a colaborar no âmbito do projeto “All and One”, cujo objetivo é apoiar utentes com mobilidade reduzida no acesso às praias.

A iniciativa junta 20 alunos do IPS, que até ao próximo dia 31 de agosto, desempenham tarefas como gestão e controle de equipamentos, apoio assistido ao banho de mar e concessão e dinamização de atividades de lazer destinadas ao público com mobilidade reduzida. O período de apoio ao utente acontece diariamente entre as 9 e as 18 horas, até 31 de agosto.

A parceria, resultante de um protocolo assinado em 2018, integra este ano estudantes das licenciaturas em Animação e Intervenção Sociocultural, Fisioterapia e Desporto.

Nesta segunda edição, registou-se um aumento para o dobro da adesão à iniciativa por parte dos alunos do IPS.

Além do projeto “All and One”, o IPS desenvolve outras colaborações com organizações da região, nomeadamente com a União Desportiva para a Inclusão – APPACDM, no evento “24h a Correr pela Deficiência”, que envolveu perto de 50 estudantes e com o município local, através da pintura do apeadeiro de Praias do Sado, no âmbito do projeto de participação cidadã “Setúbal Mais Bonita”.

O Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) é uma instituição pública de Ensino Superior com 40 anos de experiência na formação de profissionais de qualidade reconhecida no mercado de trabalho. Atualmente integra cinco Escolas SuperioresEscola Superior de Tecnologia de Setúbal, Escola Superior de Educação, Escola Superior de Ciências Empresariais, Escola Superior de Saúde (campus de Setúbal) e Escola Superior de Tecnologia do Barreiro (campus do Barreiro).

Paralelamente à formação o IPS procura contribuir para a valorização e desenvolvimento da sociedade em geral e da região de Setúbal, em particular, através de atividades de formação terciária, de investigação e de prestação de serviços, que concorram para a criação, desenvolvimento, difusão e transferência de conhecimento e para a promoção da ciência e da cultura.

 

[Foto: Divulgação]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *