Connect with us

Em destaque

Candidatos nacionais ao Ensino Superior podem ser colocados em vagas internacionais

Joana Fonseca

Publicado há

em

Pixabay

Esta medida justifica-se pelo facto de existir um número elevado de candidatos no concurso nacional ao Ensino Superior e, por outro lado, a diminuição de estudantes internacionais.

Este ano, as universidades e politécnicos terão a possibilidade de atribuir vagas destinadas aos alunos internacionais a candidatos através do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, esta informação foi divulgada pela ministra da Presidência e da Modernização Administrativa, Mariana Vieira da Silva.

Esta medida foi justificada devido ao elevado número de candidatos ao concurso nacional e pela diminuição de estudantes internacionais. “Tivemos no concurso nacional de acesso o maior número de candidatos desde há muitos anos e, por isso, o Governo resolveu que as instituições de ensino superior podem usar essas vagas para o concurso geral de acesso”, explicou a ministra Mariana Vieira da Silva.

O número de candidatos na primeira fase do Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior este ano foi 62.675 candidatos, o maior número registado desde há 25 anos. Mas é previsto que exista uma diminuição no número de alunos internacionais em Portugal no próximo ano letivo, sendo que o Governo decide reforçar o número de vagas através do regime geral de acesso ao Ensino Superior, utilizando os lugares inicialmente destinados a esses estudantes, apesar de ainda não serem divulgadas quantas vagas serão realocadas.

Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *