Connect with us

Em destaque

Entrevista Inês Andrade: “Aprendo muito todos os dias”

Publicado há

em

Anterior1 of 2
Utilize as teclas de cursor ← →

Locutora, mãe, rádio entusiasta, muito frontal e fã de festivais, só podíamos estar a falar de Inês Andrade! E podemos ouvi-la todos os dias no “Drive-in” da Mega Hits, ao lado de Catarina Palma.

Começaste a trabalhar na rádio enquanto ainda estavas a estudar. Como é que a rádio surgiu na tua vida? Foi algo pensado ou ao acaso?

Eu achava que era impossível, mas fui tentando. Fiz o primeiro casting e acabei por ficar, a partir daí, fiz um estágio de 8 meses e no último dia foi-me dado contrato para assinar. E assim começou a minha caminhada na rádio.

Estavas noutra rádio e, entretanto, mudaste para a Mega. Como surgiu o convite para entrar nesta rádio?

Sempre foi uma coisa que eu quis muito, então quando saí da CidadeFM a primeira coisa que eu fiz foi falar com o Nelson Cunha, diretor da Mega, depois surgiu uma oportunidade e eu agarrei-a.

Como defines a estação de rádio onde trabalhas?

Jovem, muito ligada às novidades, nunca apanhas uma seca. E é uma rádio que se preocupa com o que as pessoas querem ouvir e sobretudo faz companhia, coisa que nenhuma plataforma digital consegue fazer. Para além disso, somos nós próprios, sem filtros, nem preocupações e somos amigos de todos os ouvintes. Acho que isso é muito importante. Depois, temos muitas interações, estamos sempre nas nossas redes sociais, preocupados com os nossos ouvintes, o que eles gostam e não gostam. Portanto, nós procuramos estar sempre atentos ao que eles querem e ao que eles precisam.

O que é que a Mega trouxe à tua vida?

Muita confiança, um espírito de equipa diferente de todos os que eu tive, e é sem dúvida, o melhor que eu já tive. Trouxe-me ainda bons amigos e aprendizagem, aprendo muito todos os dias.

E gostas mais de fazer programas em dupla ou preferes o #Inês Andrade talks with?

Gosto muito de programas e duplas, mas não consigo dizer qual foi o desafio que mais gostei, porque todos foram importantes e diferentes.

E nunca ambicionaste ter “um espaço só teu”?

Não, de todo.

O Drive-In estreou no dia 14, como te preparaste para este projeto e como tem sido fazer esta emissão ao lado da Catarina Palma?

Tem corrido lindamente, porque eu e a Catarina entendemo-nos muito bem e temos abertura para dizer tudo que sentimos, de bom e de mau e por isso é muito fácil de trabalhar com ela. A preparação passa muito por estarmos atentos ao que se está a passar no Twitter, até porque há uma parte de informação muito virada para o lifestyle. Mas o que nós queremos, é que o programa seja virado para momentos felizes como surpresas, pedidos de casamento, mensagens e não mais um programa de rádio.

A rádio e a televisão por vezes são meios que se cruzam. Uma vez que já fizeste televisão, como encaras essa experiência?

Gostei, mas a minha grande paixão é a rádio, sem dúvida! Claro que a televisão é uma mais valia, porque te dá visibilidade, mas é sempre a pensar na rádio.

Ouvi dizer que não tens papas na língua. Consideras-te uma pessoa direta e que diz tudo que pensa?

Sim, sem dúvida alguma! Principalmente na Mega, porque tenho esse espaço.

E quando estás a fazer o programa com a Catarina também és assim direta e genuína?

Sim, absolutamente! Nisso eu e a Catarina somos diferentes, porque apesar de sermos muito amigas, temos muitas ideias opostas e eu sou um bocadinho “mais bruta nesse sentido”, mas completamo-nos (eu acho)!

Anterior1 of 2
Utilize as teclas de cursor ← →

Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

– Publicidade –

Artigos recentes

– Publicidade –

– Publicidade –

– Publicidade –