Connect with us

Diversos

Clubhouse: Rádio Super Bock Super Rock promove conversas sobre o futuro da Música

Joana Alves

Publicado há

em

imagem: LPM comunicação

“Festivais de Verão na atualidade” marca o arranque de um ciclo de três conversas promovidas pela Rádio SBSR.fm para debater o estado da Música e o futuro da Cultura em Portugal, um dos setores mais afetados pela pandemia. O ponto de encontro é no Clubhouse, às 21h00, sempre à quarta-feira (dias 17, 24 e 31 de março).

Já amanhã juntam-se promotores de alguns dos maiores festivais de Música do país, para discutir os desafios e apresentar soluções que poderão viabilizar os grandes eventos de música nos próximos meses em Portugal.

Depois de “Festivais de Verão na atualidade” será a vez de “Clubes Noturnos: sobrevivência e futuro” a 24 de março, onde se irá conversar sobre as dificuldades destes estabelecimentos comerciais face ao confinamento geral e ao que o futuro reserva a este ramo de negócio.

A última conversa no Clubhouse é no dia 31 de março sobre o “Papel da rádio em contexto de pandemia”. Nesta noite os protagonistas vão ser os locutores da Rádio SBSR.fm, uma oportunidade para partilharem as suas experiências e vivências no último ano.

A Rádio SBSR.fm, que tem como compromisso acompanhar as tendências e o que de melhor se faz na área da música em Portugal, promove esta iniciativa para apoiar ao setor da Cultura. Mais informações em https://www.instagram.com/superbocksuperrock/

Confere aqui a programação do Clubhouse, às quartas-feiras pelas 21h00:

· 17 de março: Festivais de verão na atualidade com Luís Montez da Música no Coração (Super Bock Super Rock), João Carvalho da Ritmos (Vodafone Paredes de Coura), Tiago Castelo Branco da MOT – Memories of Tomorrow (Rolling Loud) e Diogo Marques da Surprise & Expectation (EDP Vilar de Mouros)

· 24 de março: Clubes noturnos: sobrevivência e futuro com Daniel Pires (Maus Hábitos), Jonathan Tavares (Pérola Negra)

· 31 de março: Papel da rádio em contexto de pandemia com locutores da Rádio SBSR.FM e Rui Portulez

 

Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *