Connect with us

Em destaque

O mestrado em Economia Social que te torna um Ás no mercado de trabalho!

Mais Superior

Publicado há

em

Conteúdo Patrocinado

O Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto (ISCAP) tem na sua oferta educativa o Mestrado em Gestão e Regime Jurídico-Empresarial da Economia Social!

Sabias que a economia social emprega atualmente 6,1% do emprego remunerado em Portugal? Ao longo dos últimos anos o setor tem tido um crescimento significativo e sustentado, o que se refletiu no aumento do emprego no setor em 8,5% entre 2013 e 2016!

Com regime de estudos pós-laboral, o Mestrado em Gestão e Regime Jurídico-Empresarial da Economia Social surge do reconhecimento de uma lacuna no mercado e procura oferecer uma formação sólida e multidisciplinar àqueles que já trabalham no setor ou que ponderem o ingresso nesta área de atividade!

As principais saídas profissionais do mestrado são:

  • Exercício de funções de gestão ou de assessoria jurídica de nível médio e superior nas entidades da Economia Social;
  • Exercício de funções de consultadoria e formação em entidades do setor da Economia Social ou com ele relacionado;
  • Dirigentes, e diretores técnicos e executivos;
  • Técnicos superiores, coordenadores de serviço que desempenhem funções de gestão ou de assessoria jurídica em entidades da Economia Social ou organismos públicos;
  • Trabalhadores remunerados e voluntários com funções de coordenação de equipa em entidades do setor da Economia Social ou com ela relacionadas;
  • Empreendedores sociais e líderes de entidades da Economia Social;
  • Técnicos e gestores de projetos.

Em relação ao ingresso, não existem provas específicas, sendo que te podes candidatar se fores:

  • Titular do grau de licenciado ou equivalente legal;
  • Titular de um grau académico superior estrangeiro, conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo;
  • Titular de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo órgão estatutariamente competente do ISCAP;
  • Detentor de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo órgão estatutariamente competente do ISCAP.

As candidaturas para a 2ª edição do mestrado encontram-se abertas até ao dia 4 de setembro! Sabe mais aqui!

Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *