Connect with us

Ciência & Tecnologia

Investigadores da UC procuram voluntários para estudo sobre o gás radão

Flávia Ramalho

Publicado há

em

Uma equipa de investigação do Laboratório de Radioatividade Natural (LRN) da Universidade de Coimbra (UC) vai realizar um estudo dobre o gás radão e procura colaboradores voluntários.

Para a realização do estudo, os voluntários devem estar disponíveis para instalar pequenos detetores de radão nas respetivas habitações durante um período de três meses.

Os cidadãos que pretendam participar na investigação podem obter o dispositivo, sem qualquer custo associado, enviando o pedido para radao@uc.pt”, pode ler-se numa nota enviada à redação.

Podes saber mais sobre o projeto aqui.

A equipa de investigadores tem como objetivo elaborar um mapa nacional de risco que permita estabelecer um plano de medidas de proteção da saúde das populações.

O Plano Nacional do Radão é obrigatório por lei.

O estudo foi solicitado pela APA (Agência Portuguesa do Ambiente) e é liderado por Alcides Pereira, docente da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) e diretor do Laboratório de Radiatividade Natural.

Pretende-se simplesmente obter um mapa geral do país que identifique as zonas mais problemáticas no que respeita à exposição do ser humano ao gás radão”, explica, em comunicado, Alcides Pereira.

Com base no mapa, vai ser possível estabelecer medidas capazes de mitigar o problema do radão e proteger a saúde das populações.

O gás radão pode ser um problema para a saúde humana. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o radão é a segunda causa de cancro do pulmão, a seguir ao tabaco.

O Laboratório de Radioatividade Natural da FCTUC, sediado no Departamento de Ciências da Terra da FCTUC, é um laboratório com acreditação internacional para avaliar todos os parâmetros radiológicos que permitem responder à globalidade das exigências impostas pela União Europeia.

[Imagem: Universidade de Coimbra]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *