Connect with us

Notícias

Investigação da Universidade de Coimbra é tema de capa da Cortex

Flávia Ramalho

Publicado há

em

Uma investigação da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra (FPCEUC) sobre a forma como o cérebro funciona em rede é o tema de capa de edição de agosto da revista Cortex.

Cortex é uma das mais conceituadas publicações internacionais da área da Neurociência Cognitiva e o artigo, que agora faz capa, intitulado “Action at a distance on object-related ventral temporal representations” resulta de uma investigação levada a cabo pela equipa do Proaction Lab – Laboratório de Perceção e Reconhecimento de Objetos e Ações da FPCEUC, liderada por Jorge Almeida, com a colaboração do Departamento de Psicologia da Universidade de Carnigie Mellon (dos EUA).

O trabalho publicado mostra o como como o cérebro funciona como uma rede, partilhando informação de forma ultrarrápida.

Os investigadores verificaram que, embora seja processada numa determinada área do cérebro, a informação visual que adquirimos ao observar objetos, é gerida também em áreas fisicamente distantes.

Esta descoberta é importante porque veio confirmar que o processamento da informação não é apenas local, mas sim global. Este processo depende de outras áreas mais afastadas que processam o mesmo tipo de informação”, aponta, em comunicado, Jorge Almeida.

Para além da co-autoria do artigo, a equipa do Proaction Lab foi também responsável pela conceção da imagem que faz capa desta edição (volume 117) da Cortex, ilustrando um modelo de cérebro constituído por fios [em que o elétrodo representa o estímulo e a luz é a resposta a esse estímulo, numa região afastada do cérebro].

[Imagens: Universidade de Coimbra]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *