Connect with us

Notícias

Primeiro catamarã solar português é apresentado em Vilamoura

Sofia Rebanda

Publicado há

em

O SUNCONCEPT CAT 12.0 é apresentado ao público a 15 de junho, em Vilamoura, e conta com a presença do Presidente da República e de outras destacadas figuras da sociedade portuguesa.

Primeiro catamarã solar português é alternativa ecológica e económica para navegação turística profissional e de lazer.

A Sun Concept apresenta, no próximo dia 15 de junho, na Marina de Vilamoura, o SUNCONCEPT CAT 12.0, o primeiro catamarã solar construído em Portugal. A cerimónia, que conta com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, terá início às 16h30 e dará as boas vindas ao mais recente membro da família de barcos solares da Sun Concept.

O SUNCONCEPT CAT 12.0 é o primeiro catamarã solar construído em Portugal e com capitais 100% nacionais, constituindo uma alternativa ecológica e económica para o transporte de passageiros, de forma tranquila e extremamente confortável.

“É um sonho tornado realidade e fruto do trabalho de mais de dois anos de todos os que acreditaram neste projeto inovador e que pode alterar radicalmente a forma como se olha para a indústria naval em Portugal”, conta Manuel Costa Braz, CEO da Sun Concept“O CAT 12.0 é o corolário de todo este trabalho de investigação e desenvolvimento que, ao longo destes anos, temos levado a cabo na Sun Concept e que colocamos agora ao serviço do mercado”, defende ainda Costa Braz.

O CAT 12.0 tem capacidade para levar até 42 passageiros (dependendo da versão) e possui uma grande hidrodinâmica. Tem 12 metros de comprimento e 27,5 m2 de área útil de convés.

O catamarã utiliza como fonte de energia a luz do sol, que é armazenada nos painéis fotovoltaicos existentes no barco. É possível navegar a custo zero e ainda beneficiar de uma manutenção 85% mais económica do que nos barcos tradicionais.

Destaca-se dos outros barcos da mesma categoria pelas suas linhas que proporcionam uma navegabilidade suave, mesmo a velocidades mais elevadas. O CAT 12.0 não consome combustíveis fósseis e não produz gases de efeito de estufa (GEE). Os seus motores elétricos não derramam óleos nem produzem fumos de escape prejudiciais ao ambiente. O casco foi especialmente concebido para impacto mínimo no ecossistema.

 

[Foto: Divulgação]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *