Connect with us

Dá-te ao Trabalho

ISCTE-IUL apresenta medidas para promover a igualdade de género

Sofia Rebanda

Publicado há

em

O Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL) apresenta no dia 3 de junho um conjunto de medidas para promover a Igualdade de Género no Ensino Superior.

O ISCTE-IUL irá propor a adoção de uma Carta de Princípios, elaborada no âmbito do projeto SAGE (Systemic Action for Gender Equality), para marcar o compromisso das instituições com a igualdade de género e o seu contributo para a mudança institucional.

Esta instituição é uma das sete universidades europeias parceiras deste projeto e uma das instituições que já subscreveu a Carta de Princípios.

A apresentação dos resultados do projeto SAGE irá decorrer no ISCTE-IUL, no âmbito do Dia do SAGE, evento dedicado à igualdade de género, organizado pelas sete universidades que integram este projeto internacional financiado pela Comissão Europeia, e que tem como objetivo implementar Planos para a Igualdade de Género nas instituições de Ensino Superior.

“O Dia do SAGE destina-se a divulgar os resultados obtidos em cada país, no que respeita à inclusão de medidas para a igualdade de género no ensino superior. Em Portugal, o ISCTE-IUL lidera esta parceria, tendo também como missão sensibilizar e recolher adesões de outras instituições nacionais à Carta de Princípios para a Igualdade no Ensino Superior elaborada no âmbito do projeto SAGE”, explica Lígia Amâncio, investigadora no CIS-IUL (Centro de Investigação e Intervenção Social) e coordenadora do projeto SAGE pelo ISCTE-IUL.

Além da divulgação das medidas que resultam do Plano para a Igualdade de Género do próprio ISCTE-IUL no Dia do SAGE serão também apresentadas outras parcerias nacionais no âmbito do Horizonte 2020, o maior programa europeu de investigação e inovação de sempre, promovidas pelo Instituto Superior de Economia e Gestão da Universidade de Lisboa, pela Escola de Engenharia da Universidade do Minho e pelo Centro de Estudos Sociais, da Universidade de Coimbra.

O último painel tem o objetivo de apresentar políticas implementadas por instituições como o Instituto Superior Técnico e a Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, algumas delas com o apoio da Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género.

“Apesar de as mulheres constituírem a maioria dos doutorados na maior parte dos países da UE (União Europeia), como mostram as estatísticas, elas estão sub-representadas na profissão da investigação, na categoria de topo da carreira académica e na chefia das instituições de ensino superior”, alerta Lígia Amâncio.

A mesma responsável considera que a implementação do Plano para a Igualdade de Género no ISCTE-IUL “produziu resultados muito significativos”, que contribuíram inclusive para uma inversão do equilíbrio de género na liderança de topo da instituição.

“Em 2018, com a eleição da nova Reitora, Maria de Lurdes Rodrigues, a equipa reitoral do ISCTE-IUL passou a ser constituída por uma maioria de mulheres, rompendo com a tradição de equipas reitorais maioritária ou exclusivamente masculinas”, sublinha.

Entre outras medidas adotadas pelo ISCTE-IUL e que serão reveladas em detalhe no Dia do SAGE, destacam-se ainda a criação da disciplina, comum a todos os cursos, de Introdução ao Género e Políticas para a Igualdade, a integração de estatísticas desagregadas por sexo nos relatórios oficiais da instituição, bem como a elaboração de um Manual de Boas Práticas para o recrutamento e seleção de estudantes de pós-graduação.

“Como entidade empregadora, o ISCTE-IUL introduziu também uma referência ao seu compromisso com a promoção da igualdade e combate à discriminação em todos os anúncios de recrutamento, tendo ainda adotado o uso de linguagem inclusiva”, adianta Lígia Amâncio.

Refira-se que, no Dia do SAGE, a sessão de abertura do evento conta com intervenções do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, do Presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, Pedro Dominguinhos, e da Reitora do ISCTE-IUL, Maria de Lurdes Rodrigues, com a sessão de encerramento a ficar a cargo da Secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro.

Recorde-se que a Carta de Princípios elaborada e adotada pelo SAGE foi publicamente apresentada no X Congresso Europeu para a Igualdade de Género no Ensino Superior, realizado em Dublin, República da Irlanda, em agosto de 2018.

O consórcio do projeto SAGE, composto por sete universidades europeias é coordenado pelo Trinity College Dublin – Trinity Center for Gender Equality and Leadership, sendo ainda integrado, além do ISCTE-IUL, pela Queen´s University Belfast, International University of Sarajevo, Kadir Has University (Istambul), Science Po Bordeaux e University of Brescia.

 

 

[Foto: Pexels]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *