Connect with us

Novidades

Era um OUT///FEST e uma sidra fresca, sff

Avatar

Publicado há

em

Música eletrónica + verão + uma (ou várias!) bebida(s) fresca(s)… Juntamos tudo e resulta em…. OUT///FEST, o Electronic Sun Festival!

A próxima edição do festival decorre a 26 e 27 de maio, no Parque Marechal Carmona, em Cascais. É o arranque perfeito para mais um verão de boa música e animação!

A 3ª edição do OUT///FEST já não espera pelo fim do verão! Este ano chega mais cedo e traz a melhor animação eletrónica e disco (com umas pitadas de funk e soul à mistura) à bela vila de Cascais.

O Parque Marechal Carmona foi novamente o local escolhido para receber o festival. Durante um fim-de-semana, os visitantes embarcam numa experiência imersiva conjunta entre música, natureza e até animais. O recinto mantém a zona reservada especial para as crianças – com insufláveis gigantes e muita animação – e uma área dedicada à street food.

Os sons continuam a ser seguir uma linha eletrónica “com bom gosto, mas não banal, fora do comum, e que preencha todos os dançarinos que por lá vão passar”, explica a organização. Por isso, pelo período da tarde os estilos vão chegar perto do Disco, Funk e Soul – com um twist de pista de dança a chegar com o pôr-do-sol.

No primeiro dia, 26 de maio, os destaques vão para Octa Push (um projeto formado por dois irmãos portugueses, Leo e Bruno, que funde música lusófona ligada aos PALOP com eletrónica); Kiasmos (num estilo techno minimal com o requinte nórdico, que nos prepara para uma noite selvagem ou nos leva às memórias da nossa infância passada no campo à beira de uma fogueira); e ainda Alkalino (um veterano DJ português que vive em Munique há mais de 10 anos e começou a carreira no fim dos anos 80 – já atuou em diversas cidades e países pelo mundo foram, incluído no Japão).

A 27 de maio, a programação não fica nada atrás: de destacar as atuações de Alex Barck (Jazzanova), que se tornou mundialmente conhecido nos anos 90 ao integrar o grupo Jazzanovain; Tiger & Woods (dois amigos Larry Tiger e David Woods que usam fontes reconhecidas e exóticas complementadas com produções originais, que nos levam a terrenos ainda não descobertos); e Rui Vargas (que se iniciou como DJ em 1988, no Frágil, e não só testemunhou a explosão sonora que o House e Techno tiveram no nosso país como contribuiu diretamente para a mesma, tendo a habilidade inata de escolher o melhor disco para qualquer altura, seja numa pequena e íntima pista ou como cabeça de cartaz dos maiores festivais!)

O OUT///FEST 2018 é organizado pela NCS em parceria com a Câmara Municipal de Cascais. O bilhete diário custa 15,00€ e o passe para os dois dias 20,00€.

[Foto e vídeo:  OUT///FEST 2018]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

PGRpdiBjbGFzcz0iZXB5dC12aWRlby13cmFwcGVyIj48aWZyYW1lICBzdHlsZT0iZGlzcGxheTogYmxvY2s7IG1hcmdpbjogMHB4IGF1dG87IiAgaWQ9Il95dGlkXzcyNDE5IiAgd2lkdGg9IjQ5MCIgaGVpZ2h0PSIyNzYiICBkYXRhLW9yaWd3aWR0aD0iNDkwIiBkYXRhLW9yaWdoZWlnaHQ9IjI3NiIgIGRhdGEtcmVsc3RvcD0iMSIgc3JjPSJodHRwczovL3d3dy55b3V0dWJlLmNvbS9lbWJlZC9SZ0RXTGpXUjktaz9lbmFibGVqc2FwaT0xJmF1dG9wbGF5PTAmY2NfbG9hZF9wb2xpY3k9MSZyZWw9MCZpdl9sb2FkX3BvbGljeT0xJmxvb3A9MCZtb2Rlc3RicmFuZGluZz0xJmZzPTEmcGxheXNpbmxpbmU9MCZhdXRvaGlkZT0yJnRoZW1lPWRhcmsmY29sb3I9cmVkJmNvbnRyb2xzPTEmIiBjbGFzcz0iX195b3V0dWJlX3ByZWZzX18gIG5vLWxhenlsb2FkIiBkYXRhLXZvbD0iMTAiICBkYXRhLWVwYXV0b3BsYXk9IjEiICB0aXRsZT0iWW91VHViZSBwbGF5ZXIiICBhbGxvdz0iYXV0b3BsYXk7IGVuY3J5cHRlZC1tZWRpYSIgYWxsb3dmdWxsc2NyZWVuIGRhdGEtbm8tbGF6eT0iMSIgZGF0YS1za2lwZ2Zvcm1fYWpheF9mcmFtZWJqbGw9IiI+PC9pZnJhbWU+PC9kaXY+