Connect with us

Lazer & Cultura

Começa amanhã o Festival Rescaldo!

Avatar

Publicado há

em

A Culturgest e a Galeria Zé dos Bois, em Lisboa, recebem a 9ª edição do Festival Rescaldo.

O Festival Rescaldo procura distinguir “alguma da mais significativa produção nacional no panorama das músicas de vanguarda – nos mundos da eletrónica, da livre improvisação e das tangentes ao vasto espectro do rock e do jazz – assinalando as grandes referências do presente, contextualizando a influência dos seus mais importantes precursores e abrindo portas às visões de futuro”. É esta a definição dada por Jorge Travassos, programador de um evento que este ano se dedica não só à divulgação de valores emergentes, mas também ao coroar de artistas cujas carreiras se têm fortificado através da expansão e reconhecimento internacional.

O Rescaldo começa a 19 de fevereiro, na Culturgest, ao som da guitarra elétrica de Filipe Felizardo, e na mesma noite, sobem ao palco os OZO.
No dia 20 de fevereiro, ainda no Pequeno Auditório da Culturgest, o trio de cordas Timespine do qual fazem parte Tó Trips, Adriana Sá e John Klima, remete para a tradição hindustani, para a kora oeste-africana, para o koto japonês e para a tradição de seis cordas do sul norte-americano. De seguida, sobe ao palco Norberto Lobo.

A semana seguinte começa na Galeria Zé dos Bois com Acid Acid a abrir o dia 25 de fevereiro, e a fechar a noite, os Plus Ultra.
O dia 26 de Fevereiro marca o regresso do festival à Culturgest, desta feita no novo espaço da Garagem, com os Papaya. Aguardada com um certo frenesim, é a inédita colaboração dos já consagrados Black Bombaim com um autêntico ícone do free-jazz, o saxofonista alemão Peter Brötzmann.

O último dia do festival, 27 de fevereiro, soma três concertos na mesma sala, a Garagem da Culturgest. Os carismáticos portuenses HHY & The Macumbas trazem consigo o habitual aparato cénico para mais uma verdadeira celebração ritualista, seguidos por Pedro Pestana, que explora as infinitas possibilidades de uma guitarra no seu projeto Tren Go! Soundsystem. Para finalizar, os Gala Drop, estreiam-se com formação renovada e encerram o Rescaldo.

Se estás na dúvida se este é o festival indicado para ti, Jorge Travassos diz que o Rescaldo “faz questão de abranger um vasto leque de áreas, e isso faz com que existam propostas para vários gostos e consequentemente múltiplos públicos. Mas é preciso um certo grau de curiosidade e abertura para conhecer novas músicas e até algum nível de conhecimento acerca das mesmas”, conclui.

Os concertos têm início às 21h30 e cada bilhete custa 6 euros, havendo um desconto de 40% na compra de quatro bilhetes para os concertos da Culturgest.

[Foto: Divulgação]

Publicidade
Clica para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *